Governo Federal vai monitorar intolerância religiosa nas redes sociais

intolerancia2A Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH/PR) anunciou que irá começar a acompanhar mais de perto as manifestações de intolerância religiosa nas redes sociais. A ministra da pasta, Ideli Salvatti, ressaltou que isso se faz necessário porque “boa parte da intolerância religiosa se propaga pela rede”. De acordo com o portal iG, o monitoramento será feito pelo grupo de acompanhamento dos crimes de ódio pela internet, formado pela Polícia Federal, pela Ordem dos Advogados do Brasil e pelas defensorias públicas dos estados.